7 de mai de 2016

Mais três monumentos de Oscar Niemeyer são tombados pelo Iphan

Projetado por Niemeyer e inaugurado em 1983, o Sambódromo
é um dos monumentos do arquiteto tombados pelo Iphan
Foto Arquivo/Agência Brasil 
O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) tombou nesta sexta-feira (6) o Sambódromo do Rio de Janeiro, o Museu de Arte Contemporânea (MAC) de Niterói e o Conjunto de edificações projetadas do Parque do Ibirapuera, em São Paulo, todos monumentos assinados pelo arquiteto Oscar Niemeyer.
Os tombamentos foram decididos em votação do Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural durante a 82ª reunião do colegiado, no Palácio Gustavo Capanema, centro da capital fluminense. A presidenta do Iphan, Jurema Machado, explicou que o processo dos novos tombamentos começou em 2007 e explicou a importância da decisão para a conservação dos monumentos históricos e culturais.

“O Iphan passa a ter um acompanhamento dessas obras. Isso implica em uma responsabilidade de análise de aprovação de projetos passarem pelo Iphan, que passa a ser corresponsável por apoiar a conservação nas futuras intervenções”, disse.

De acordo com a presidente do órgão, o Sambódromo, o MAC e o Parque Ibirapuera enquadram-se perfeitamente nos critérios de tombamento em nível nacional. “É preciso que seja portador de referências culturais que tenham expressão e representatividade de âmbito nacional. Não precisa ser monumental ou espetacular, mas ter um papel importante no moisaico que é a cultura brasileira”, explicou.

As obras
Com área de mais de 1,5 milhão de metros quadrados, o Parque do Ibirapuera foi inaugurado em 21 de agosto de 1954 em comemoração aos 400 anos da cidade de São Paulo. No local havia uma área alagadiça que, na época da colonização, foi uma aldeia indígena. O nome Ibirapuera (ypi-ra-ouêra) significa na língua Tupi árvore apodrecida.

Inaugurado em 1984, o Sambódromo tem cerca de 650 metros e virou um ícone do espetáculo das escolas de samba. A arquitetura carrega as características de Niemeyer, prezando pela simplicidade formal e austeridade de acabamentos necessários à valorização da festa.

O Museu de Arte Contemporânea de Niterói foi inaugurado em 1996 e tem 2,5 mil metros quadrados de área. Em formato circular, que lembra um disco voador, o museu oferece aos visitantes uma vista panorâmica da Baía de Guanabara e da cidade do Rio de Janeiro. Às margens da baía, o espelho d'água ao seu redor combinado ao vermelho da rampa de acesso e ao branco do edifício criam uma iluminação especial.

Oscar Niemeyer viveu 104 anos. Nasceu no Rio de Janeiro em 1907 e em 1929 ingressou na Escola Nacional de Belas Artes. Entre suas criações está o conjunto arquitetônico de Brasília. Ao todo, Niemeyer tem 43 obras tombadas no Brasil.

O conselho do Iphan que avalia os processos de tombamento e registro é formado por 23 especialistas de diferentes áreas, como cultura, turismo, arquitetura e arqueologia. Os conselheiros representam entidades da área, ministérios e organizações da sociedade civil, com especial conhecimento nos campos de atuação do instituto.

da Agência Brasil
Postar um comentário