10 de fev de 2016

PCdoB-Minas: Prefeito de Chiador, Moisés Gumiere, é assassinado

Moisés da Silva Gumieri era prefeito de Chiador, em Minas Gerais,
 e se filiou ao partido no ano passado
O prefeito de Chiador, Moisés da Silva Gumieri (PCdoB-MG), foi assassinado na noite desta terça-feira (9) em um clube da cidade. 


Segundo a polícia, o prefeito estava com seu filho de 9 anos quando foi atingido por cinco tiros efetuados por dois autores que o aguardavam na porta do clube.

Moisés da Silva Gumieri tinha 36 anos e se filiou ao PCdoB no ano passado. Ainda segundo a polícia, os suspeitos fugiram em uma motocicleta, mas precisaram abandonar o veículo e continuaram a pé.

Informações nas redes sociais dão conta de que um dos assassinos deu entrada em uma Unidade de Pronto Atendimento na região após cair da moto usada para fugir do local do crime. A polícia investiga.

Equipes da PM procuram os assassinos, que estariam em uma mata fechada, entre as cidades de Chiador e Santana do Deserto. Até a manhã desta quarta-feira (10), ninguém tinha sido localizado.


O deputado federal e presidente do PCdoB-Minas, Wadson Ribeiro, emitiu uma nota nesta quarta-feira (10) em sua página no Facebook, lamentando o ocorrido. 

Leia a nota abaixo: 
“É com grande pesar que, em nome do PCdoB-Minas, manifesto a irrestrita solidariedade dos comunistas mineiros à família do prefeito da cidade de Chiador, Moisés da Silva Gumieri, assassinado na noite da última terça-feira (9).

Em dezembro do ano passado, o prefeito Moisés oficializou seu ingresso às fileiras partidárias do PCdoB. A trajetória política de Moisés em defesa da população de Chiador honra as nossas históricas bandeiras de luta por um mundo melhor.

O PCdoB-Minas se une neste momento de grande tristeza para exigir a apuração de todos os fatos que culminaram neste de inexplicável ato de violência. Camarada Moisés presente!”

Com informações de agências
Postar um comentário