4 de set de 2015

Após redução de velocidade, SP tem queda de congestionamento

Foto: The Photographer
Após redução de velocidade, marginais tem queda de congestionamento
O índice de acidentes na Marginais Pinheiros e Tietê diminuiu , após a redução de velocidades máximas, medida polêmica da prefeitura de São Paulo. A Coluna de Monica Bergamo, da Folha de São Paulo, mostra dados que reforçam o objetivo da administração do prefeito Fernando Haddad, em reduzir acidentes. Os números contestam ainda o temor de motoristas em enfrentarem maiores congestionamentos.

A publicação mostra um balanço inédito da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), onde houve redução no número de acidentes nas seis primeiras semanas de implantação da redução de velocidade nas vias.

Comparando ao mesmo período do ano passado, o número de acidentes com vítimas (mortos e feridos) caiu 27%. Foram 159 em 2014, contra 116 em 2015. Já o número total de acidentes nas duas vias passou de 373 no mesmo período do ano passado para 317 agora.

Lentidão menor
A redução de lentidão foi de 12%, entre as 17h e as 19h, comparado com 2014. “A ciência existe justamente para isso: contrariar o senso comum e fazer ver que o mundo é de outro jeito. Se fosse pelo senso comum, o sol estaria girando ao redor da terra até hoje”, disse Haddad sobre os números.

Índice de multa
Outro argumento contrário a medida é a possível industria de multa. Mas um levantamento feito pela CET mostra que 385 mil veículos, do total de quase 7,9 milhões na cidade, foram responsáveis sozinhos por 50,6% das infrações de trânsito autuadas em 2014. 71% da frota não recebeu nenhuma multa durante o ano de 2014.

via viatrolebus
Postar um comentário