8 de fev de 2016

As mulheres palestinas que enfrentaram soldados israelenses

Vídeo de palestinas enfrentando soldado de Israel já foi compartilhado mais de 57 mil vezes. As imagens mostram um militar tentando imobilizar com estrangulamento o garoto Mohamed Tamimi, de 12 anos, quando é cercado pela mãe, a tia e a irmã do adolescente
Um vídeo que mostra mulheres palestinas enfrentando um soldado israelense tem gerado grande repercussão na internet desde que foi publicado.


A postagem gerou mais de 57 mil compartilhamentos no Facebook e foi visualizada por aproximadamente 3,4 milhões de pessoas.

As imagens mostram um confronto na Cisjordânia e, segundo moradores do vilarejo palestino de Nebi Saleh, um assentamento judeu na região teria restringido o acesso a uma fonte de água.

Na confusão, um soldado tenta imobilizar com estrangulamento o garoto Mohamed Tamimi, de 12 anos, acusado de jogar pedras nos militares, quando é cercado pela mãe, a tia e a irmã do adolescente.
Elas puxam e batem no soldado até conseguirem libertar o menino.

Ao comentar o caso no Facebook, Bassem Tamimi, o pai de Mohamed, disse que o garoto, que já estava com o braço engessado, precisou de cuidados médicos depois da ação do militar israelense e acusou o Exército de ter atirado contra outro de seus filhos dois dias antes.

“Nós protegemos nossa família e nossa terra através da resistência”, escreveu. “Pessoas do mundo, apoiem os palestinos. Apoiem os direitos humanos”.

Assista ao vídeo:



شاهد كيف قام النسوة بضرب جندي احتلالي في قرية النبي صالح قرب رام الله بعد محاولته اعتقال احد الأطفال
Publicado por ‎Ramallah News - رام الله الإخباري‎ em Sexta, 28 de agosto de 2015
Postar um comentário