21 de abr de 2016

Codhab oferece serviço de assistência em casa de assessor de distrital

LEONARDO ARRUDA/METRÓPOLES
No lote, de propriedade de um assessor lotado no gabinete do deputado Lira (PHS), funciona um posto de atendimento da Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal. 
Ao lado, há uma confecção onde há propaganda do parlamentar

por Ary Filgueira
no Portal Metrópoles

Vizinhos de porta, uma confecção e um posto da Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab) chamam a atenção de quem passa no Conjunto C, na QR 3, Vila Buritizinho, em Sobradinho 2. O lote onde funcionará a agência da Codhab é de propriedade de Jedson da Silva Nascimento, lotado no gabinete do parlamentar do distrital Lira (PHS). Já na loja, um cartaz enaltece a atuação do deputado: “Trabalhando pelo povo”.

A unidade da companhia integra um programa que visa promover melhorias habitacionais a famílias carentes residentes em áreas regularizadas ou em fase de regularização fundiária. Segundo a Codhab, os locais onde estão instalados os postos não recebem qualquer ajuda financeira ou pagamento de aluguel. Tudo é feito por meio de parcerias com lideranças comunitárias.

Foi justamente o que fez Jedson. O funcionário que trabalha para o deputado Lira ofereceu parte do lote em que vive para a montagem da unidade da empresa pública. A companhia, por sua vez, cedeu profissionais de arquitetura para auxiliar os moradores da região. Procurada pela reportagem, a Codhab informou que o programa não tem vínculo político, apenas conta com o apoio de líderes comunitários “para tratar de assuntos de interesse da população a fim de minimizar o déficit habitacional do DF”. O posto começa a funcionar na próxima terça (26).
A previsão é que o posto inicie as atividades na próxima terça-feira (26/4)

Propaganda
Também por meio da assessoria, o deputado Lira (PHS) afirmou que desconhecia a existência do posto da Codhab no lote de um dos seus assessores. Apesar disso, disse não ver qualquer irregularidade no fato do funcionário, que é líder comunitário na região há vários anos, ceder parte do lote onde vive para ajudar os moradores de Sobradinho 2.

Vulnerabilidade
O programa da Codhab prevê a instalação de pontos de assistência técnica pública e gratuita nas áreas de arquitetura, urbanismo e engenharia para o projeto e a construção de habitação de interesse social. A instalação desses postos segue regras determinadas pela Lei nº 11.888, de 2008.

Os serviços são custeados por recursos de fundos direcionados à habitação de interesse social (Fundhis), por recursos públicos orçamentários ou por recursos privados contratados pelo interessado. A seleção dos beneficiários deve ocorrer por meio de critérios que priorizam atendimento às famílias mais carentes e em situação mais vulnerável de habitabilidade.
Postar um comentário