6 de abr de 2015

Polícia Israelense dispara em crianças palestinas


Polícia de Israel dispara balas de borracha preta em crianças palestinas


De Brasília
Joaquim Dantas
Para o Blog do Arretadinho

Forças de ocupação de Israel dispararam balas de metal revestidas de borracha preta em diversas crianças palestinas, no campo de refugiados de Shuafat, na Última terça-feira, 31/03. Zakaria Joulani, de 13 anos, foi atingido no rosto e, devido a gravidade do ferimento, perdeu a visão de um dos olhos. Este tipo de munição é considerado fatal. A notícia foi publicada no site sasha.ps nesta segunda-feira (6).

Segundo a família do garoto atingido, uma policial israelense teria mandado um grupo de crianças deitarem no chão, Zakaria não teria entendido ou obedecido a ordem, sendo atingido no rosto pela policial à uma curta distância. O garoto foi socorrido mas, devido as péssimas condições de atendimento nos hospitais palestinos, o garoto perdeu a visão de um dos olhos. Essas péssimas condições se devem ao criminoso bloqueio que Israel faz na região, impedindo a entrada de remédios e equipamentos hospitalares.

Um representante da Associação pelos Direitos Civis da Palestina, que investiga o caso, disse que a munição utilizada pela polícia de Israel, é conhecida como bala de borracha Golani, muito mais letal do que as balas de borracha azul. Segundo ainda a associação, a polícia israelense passou a utilizar a munição no ano passado.

Em Agosto de 2014, o garoto Mohammed Sunnuqrut, teve o crânio perfurado por uma dessas balas, vindo a falecer dias depois.

No caso em que Zakaria perdeu a visão, mais quatro crianças tiveram ferimentos graves e dezenas tiveram ferimentos leves. Esta munição é considerada como sendo uma das mais letais e foi utilizada pelo exército israelense no passado
Postar um comentário