6 de jul de 2015

Cuba invadiu o Gama

Grupo Sabor de Cuba apresentou-se no Gama
clique e amplie
Cuba invadiu o Gama com a maravilhosa música do Grupo Sabor de Cuba

Do Gama
Joaquim Dantas
Para o Blog do Arretadinho

Em uma apresentação impecável, o grupo Sabor de Cuba alegrou a tarde deste domingo (5) no Cantoria, Blues e o Escambau, na Feira Permanente do Gama. Pessoas de várias cidades do Distrito Federal prestigiaram a apresentação do grupo, que começou às 14h e encerrou às 17h, entretanto, a festa estendeu-se até às 20h, aproximadamente. Músicos da cidade também se apresentaram no local, como Cleison Batah, Manoel Pretto e Francis, além do poeta matuto Cumpadi Ancelmo.

O evento intitulado de Vai pra Cuba - A Festa, foi uma realização do Blog do Arretadinho e Rasta de Sapato, comandada por Cleison Batah; a festa também recebeu o apoio do Partido Comunista do Brasil, PCdoB/DF, da deputada federal Érika Kokay e do deputado distrital Chico Vigilante, ambos do Partido dos Trabalhadores, PT/DF.

O grupo Sabor de Cuba é um grupo cubano autêntico que faz apresentações atualmente em Brasília e que executa variados ritmos da música tradicional e contemporânea de Cuba com interpretações que celebram as origens. 

Seus artistas principais são os irmãos Valoy (William e Félix), filhos de Félix Valoy (Músico cubano reconhecido internacionalmente). Também fazem parte do grupo Hector Hernandez (vocal e percussão), Aniel Galarraga (baixo elétrico e vocal), Gumercindo Aquilera (violão e baixo), Ofélia Gonzalez (flauta), todos cubanos e com formação em conservatório; e mais o colombiano Manuel Urbano (piano) e o brasileiro (nascido em Salvador), 

O público lotou o local
clique e amplie
Do Són à Nueva Trova, passando pela rumba, mambo, salsa e bolero,entre outros, é possível perceber o alto valor da cultura musical do país, reflexo da espontaneidade criadora, da altivez e das emoções da alma cubana. Uma música vibrante, resultado do encontro de ritmos latinos,estruturas melódicas africanas, que desperta os sentidos e convida a dançar.

O grupo foi muito aplaudido quando Félix, que é professor de Salsa em Brasília, largou a percussão e foi para frente chamar o público para dançar, aproveitando para dar uma micro aula de Salsa, como pode ser conferido em um dos vídeos abaixo.

No repertório do grupo, predominam clássicos, da importância de Dos gardenias (Isolina Carrilo), Besame mucho (Consuelo Velasquez), Silencio (Ibrahim Ferrer), El carnaval (Célia Cruz), Chan chan (Compay Segundo), Yolanda (Pablo Milanés), Hasta siempre comandante (Carlos Puebla) e, claro, o hino Guantnamera (Jose Marti). 

Confira todas as fotos aqui


Postar um comentário