9 de jul de 2015

Maioridade penal merece debate qualificado, defende deputado comunista

Maioridade penal merece debate qualificado, defende parlamentar
Deputado federal pelo Paraná, Aliel Machado (PCDoB) superou infância de vulnerabilidade com incentivo do poder público
Em situação de vulnerabilidade durante sua infância, o deputado federal Aliel Machado (PCdoB-PR) superou com incentivo do poder público as adversidades e defende um debate qualificado sobre o envolvimento de jovens com a criminalidade.

"A contextualização de discutir a punição de um jovem de 16 anos não pode se passar apenas pelo ato que ele cometeu, mas por toda uma causa", defende o parlamentar de 26 anos, que integra a Frente Parlamentar Mista em Defesa das Políticas Públicas de Juventude.

A experiência pessoal de Machado leva o deputado federal a condenar a redução da maioridade penal, aprovada em primeiro turno na Câmara dos Deputados, semana passada. A PEC 171/93 prevê redução da maioridade de 18 para 16 anos, em casos de crimes hediondos, com exceção de tráfico de drogas. A matéria deve ser votada em segundo turno. Caso seja aprovada, segue para análise do Senado.

"Com oito anos, catava recicláveis para ajudar a minha família: três irmãos menores, meu pai com problema de alcoolismo e minha mãe doente. O programa da prefeitura de Ponta Grossa me ajudou. Ele recrutava menores em situação de vulnerabilidade social para ter acompanhamento do poder público. Tive obrigações, mas também tive acompanhamento do Estado", contou em entrevista ao Portal Brasil.



do Portal Brasil
Postar um comentário