25 de mar de 2015

Criada a Frente Parlamentar em Defesa da Petrobras

O Presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Petrobras
deputado  Davidson Magalhães (PCdoB/BA)
Foto Joaquim Dantas/Blog do Arretadinho
Deputados tomam posse na Frente Parlamentar Mista em Defesa da Petrobras

De Brasília
Joaquim Dantas
Para o Blog do Arretadinho

O Plenário 1 da Câmara dos Deputados recebeu, na tarde desta terça-feira (24), trabalhadores e sindicalistas para assistir a posse da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Petrobras. A Frente será presidida pelo deputado federal baiano Davidson Magalhães (PCdoB/BA) e integrada pelos senadores Roberto Requião(PMDB/PA), Antônio Carlos Valadares (PSB/SE), Vanessa Grazziotin (PCdoB/AM), Fátima Bezerra(PT/RN) e os deputados  Vicentinho  (PT/SP), Aliel Machado (PCdoB/PR), Jandira Feghali (PCdoB/RJ) e  Zeca do PT (MS). 

O presidente da Frente disse na ocasião que "este é o momento de união em defesa da companhia pois ao tempo em que se faz necessário a apuração dos fatos e punição dos culpados envolvidos na operação Lava-Jato, por outro lado, não é admissível que todo o capital institucional e o seu valor de mercado sejam dilapidados por setores sem compromisso com a soberania nacional e com a própria empresa. Punam-se os corruptos, mas preserve-se o  patrimônio do povo brasileiro". 

Davidson acredita que a criação da Frente "é a abertura de um espaço direto entre o Legislativo e a sociedade, com a tarefa de defender o patrimônio do povo brasileiro e a consolidação de uma Petrobras forte, próspera e compromissada com um projeto nacional de desenvolvimento".

Foi lembrado ainda que, mesmo sob os ataques da mídia, que destorce a informação e tenta à todo momento fazer a população acreditar que a companhia se desvalorizou, em função da Operação Lava Jato, a Petrobras "acumulou em 2014 destacados êxitos operacionais. É a maior produtora entre as companhias de capital aberto, uma das dez maiores petroleiras do mundo. Este vitorioso itinerário consolidou-a numa posição estratégica na economia do país, representando hoje 15% dos investimentos e 10% do nosso PIB", disse o parlamentar comunista.

Devidson afirmou ainda que um dos objetivos da Frente é reunir as forças democráticas do país para dar sustentação política ao que chamou de "patrimônio do povo brasileiro, contra as inúmeras manobras e tentativas de privatização da empresa que acontecem hoje, assim como vem acontecendo desde sua criação.

No lançamento estiveram presentes também, as deputadas Luciana Santos (PCdoB/PE), Benedita da Silva (PT/RJ) e Maria do Rosário (PT/RS), além do deputado Daniel Almeida (PCdoB/BA).

Integrantes dos movimentos sociais como o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra, MST, da Federação Única dos Petroleiros, FUP e da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil, CTB, participaram ativamente da solenidade, com palavras de ordem em apoio à Petrobras e aos parlamentares integrantes da Frente.

Postar um comentário