16 de abr de 2015

Como o filho de Cássia Eller conseguiu se manter hétero?

Chicão acima e sua mãe
Como o Chicão, filho de Cássia Eller, conseguiu se manter hétero sendo criado por duas mulheres?

De Brasília
Joaquim Dantas
Para o Blog do Arretadinho

Ela era obsessiva com a música, a paixão e as drogas. "Quando eu gosto, vou até o talo,” dizia sempre Cássia Eller. Na música, a obsessão dela lhe rendeu uma carreira de muito sucesso. Da paixão veio um casamento sólido, com uma mulher, e também um filho peralta, por quem ela se derretia.

O discurso homofóbico de que casais homossexuais não podem criar uma criança, porque influenciariam na sua orientação sexual, cai por terra com o exemplo do filho da cantora, Francisco Ribeiro Eller , que ela chamava de Chicão. Cássia já morava com a companheira, Maria Eugênia Vieira, quando ficou grávida de Chicão que foi fruto de uma paixão pelo músico Otávio Fialho, morto num acidente automobilístico, pouco antes do parto.

Certa vez a cantora falou de suas relações em uma entrevista, quando foi questionada se ela já havia gostado de algum homem, respondeu que "Sempre tive tesão em homem. Não sou radical. Lógico que eu namorei muito mais com mulher. Com homem foi mais... esporádico [risos]. Mas eu tenho tesão em homem também e me apaixonei pelo pai do Chicão". e explicou como o seu casamento com Eugênia resistiu à gravidez: "Não sei, não sei, não sei! A Eugênia sabe que tesão é uma coisa natural. Eu sei e ela sabe que a gente quer viver juntas, que a gente tem uma vida legal, uma história superlegal. E que a gente ama a nossa história".

Se já havia pensado alguma vez em se casar com um homem, Cássia respondeu que "Não, porque eu já sou casada. Não dá para casar duas vezes".

Completamente à vontade, Chicão participou do programa Lado Bi, onde comentou sobre o beijo gay na novela Babilônia, da TV Globo. Em face dos inúmeros comentários contrários ao beijo, do tipo "isso é um absurdo, vai influenciar nossas crianças a seguir esta moda", o apresentador do programa perguntou ao Chicão o que ele diria ao seu filho sobre a cena, e obteve uma sorridente respostas que "beijar é bom, né?"

Prestes a completar 21 anos, o filho de Cássia segue sua rotina simples, morando com a mãe, Maria Eugênia, no Rio de Janeiro.

Cada vez mais parecido fisicamente com mãe, falecida em 2001, Chicão deixou a paixão pela música temporariamente de lado e decidiu estudar Geografia na Universidade Federal Fluminense, em Niterói.

Lado Bi
Filho de Cássia Eller comenta beijo gay de Babilônia: "Beijar é bom, né?" 󾠣 http://bit.ly/1PNRBK2
Posted by UOL Entretenimento on Quarta, 15 de abril de 2015
Postar um comentário