17 de jun de 2015

Pastor diz que seca paulista é castigo de Deus por causa dos gays

O Pastor Sargento Isidório de Santana, deputado estadual pelo PSC da Bahia, deu uma declaração polêmica, ligando a seca que castiga São Paulo a um suposto castigo de Deus pelo número de homossexuais na maior cidade do país.

Em um vídeo, ele disse que há gays em todos os lugares, mas que a concentração deles está em São Paulo, por causa da Parada Gay. “A maior parada gay do mundo está ali em São Paulo”, disse “Todo paulista é gay?

Claro que não! Ali tem homens mulheres de Deus, (…) que não praticam o mesmo pecado da homossexualidade.

A Bíblia diz se esse povo se converter do seus pecados (…), Deus perdoará e abrirá a chuva na terra.”

No ano de 2013, pastor Isidório admitiu que já teve uma experiência homossexual e, desde então, passou a não gostar de ficar perto de homem por muito tempo porque temia uma recaída. “A carne é fraca”, segundo ele.
Confira o vídeo:

Via Sul 21
*Com informações do site Paulopes

Postar um comentário