30 de dez de 2015

Cooperativa de assentados constrói fábrica de rações

Com inauguração prevista para o mês de março de 2016, a Cooperativa Regional dos Assentados da Fronteira Oeste Ltda (Coperforte), com sede em Santana do Livramento (490 km da capital gaúcha), está finalizando a construção de uma fábrica de rações no município, em uma área de 2 hectares cedida pela prefeitura. 
A estimativa é de processar inicialmente 4 mil sacas por mês e oferecer o produto ensacado e a granel.

“O investimento total para a obra é de R$ 1,1 milhão, com recursos de 20% da cooperativa e o restante do Fundo de Terras do Estado do RS (Funterra) e Banco Nacional de Desenvolvimento Social (BNDES)”, menciona Rosi de Lima Costa, tesoureira da Coperforte. Com capacidade máxima de processar 304 toneladas/mês, a cooperativa atenderá principalmente os seus associados, já que a ração é comprada fora da região.

Sergio Masetti Araújo, responsável pela área de rações e insumos, afirma que a fábrica cria a possibilidade de viabilizar toda a cadeia produtiva. “É um mercado promissor por causa da produção de leite e de alimentos de nossos cooperados”, destaca ele.

Ração orgânica
A proposta da direção da cooperativa é de produzir a ração com itens orgânicos. “São os farelos derivados da soja, trigo, milho e do arroz, com fibras da cevada, aveia e sorgo, além de compostos minerais que irão compor o produto”, enfatiza Marcos Antonio dos Santos, técnico agrícola da Coperforte.

A fábrica integra um complexo de unidades que a Coperforte está instalando na área. Já está funcionando um escritório, sala de reuniões e garagem para a frota de 18 caminhões que recolhe leite dos produtores assentados e de pequenos agricultores familiares da região.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social do Incra/RS
(51) 3284-3309 / 3311
imprensa@poa.incra.gov.br
http://www.incra.gov.br/rs
Postar um comentário