17 de jun de 2016

GDF destrói sistema público de saúde do DF para justificar privatização

Foto Joaquim Dantas
Foto Joaquim Dantas
Com o sistema público de saúde do DF à beira do caos, Rollemberg reúne-se com distritais para discutir a implantação das OSs.
De Brasília
Joaquim Dantas
Para o Blog do Arretadinho

Os deputados distritais que fazem parte da base do governo Rollemberg, reuniram-se com o governador nesta terça-feira (14) no Palácio do Buriti, para discutirem com o chefe do executivo o projeto do governo para a implantação de um novo modelo para a saúde primária do Distrito Federal.

O projeto prevê que Organizações Sociais, OSs, assumam o atendimento de seis Unidades de Pronto Atendimento, UPAS e das unidades básicas de saúde, além da Unidade de Saúde da Família, USF, de Ceilândia.

O projeto prevê ainda que os servidores que trabalham nas unidades de saúde que serão entregues às OSs, poderão escolher entre continuar trabalhando na mesmo local e serem transferidos para outras unidade regionais.

Desde que assumiu o governo Rollemberg comanda um verdadeiro desmonte na Saúde do DF, como vem sendo fartamente noticiado desde então, o que demostra claramente que a intenção deste governo é justificar a privatização do setor.


Já o Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde de Brasília, SindSaúde-DF, protestou contra a instalação das OSs e alertou para o fato de que em todas as unidades da federação, que o sistema foi implantado, o resultado foi desastroso e não obteve sucesso além de levar grande prejuízo para a população.

Postar um comentário