17 de jun de 2016

Presidente do PSB/DF se desliga do partido

Insatisfeito com a atuação da sigla socialista no DF, presidente regional do partido pede desligamento
De Brasília
Joaquim Dantas
Para o Blog do Arretadinho

A debandada de membros do PSB, tanto da base quanto da direção, insatisfeitos com a atuação do partido e do seu governador no DF, parece que não vai acabar tão cedo.

Desta vez foi o presidente da legenda no Distrito Federal quem pediu para ser desligado dos quadros do partido. 

Antonio Fúcio formalizou seu desligamento do PSB nesta quinta-feira (16) ao entregar a carta ao presidente nacional da sigla, Carlos Siqueira.

Nos corredores do Buriti o que se comenta é que Fúcio e Rollemberg estão em completo descompasso já faz tempo, além de que o ex-presidente regional não estar nada satisfeito com a atuação da sigla no DF.

Depois que o PSB "virou à direita" no segundo turno das eleições de 2014, apoiando Aécio Neves, muitos quadros importantes do partido se desligaram, como foi o caso da deputada federal Luíza Erundina,  que desligou-se do PSB em março de 2016, após 19 anos e transfere-se, no período da janela partidária sem perda de mandato, para o Partido Socialismo e Liberdade (PSOL).
Postar um comentário