3 de jul de 2016

Saiba como funciona a "Delação Premiada"


do Blog PC/PCO

A "justiça" pega o deputado João e diz que vai enfiá-lo na cadeia por 30 anos, mas se ele for bonzinho e delatar seus comparsas, não passará mais do que 3 anos em prisão domiciliar. João aceita e entrega um dos seus comparsas chamado José, e assim termina cumprindo prisão domiciliar em sua luxuosa mansão de frente para o mar, mansão esta fruto de dinheiro público roubado.

A "justiça" pega o deputado José e diz que vai enfiá-lo na cadeia por 30 anos, mas se ele for bonzinho e delatar seus comparsas, não passará mais do que 3 anos em prisão domiciliar. José aceita e entrega um dos seus comparsas chamado Manoel, e assim termina cumprindo prisão domiciliar em sua luxuosa mansão nas montanhas, mansão esta fruto de dinheiro público roubado

A "justiça" pega o deputado Manoel e diz que vai enfiá-lo na cadeia por 30 anos, mas se ele for bonzinho e delatar seus comparsas, não passará mais do que 3 anos em prisão domiciliar. José aceita e entrega um dos seus comparsas chamado Joaquim, e assim termina cumprindo prisão domiciliar em uma bela ilha, ilha esta fruto de dinheiro público roubado.

E num mundo menos imperfeito, como funcionaria a tal "Delação Premiada"?

A justiça pega o deputado João e diz que ele será fuzilado, mas se for bonzinho e delatar seus comparsas, não passará mais do que 30 anos na cadeia. João aceita e entrega um dos seus comparsas chamado José, que depois entrega Manoel que depois entrega Joaquim. Após todos devidamente delatados e atrás das grades a justiça pega de volta o que sobrou do dinheiro que os 4 roubaram, leiloa tudo que compraram com o que foi roubado, e a policia passa 30 anos descendo o sarrafo nos 4 até delatarem o restante da quadrilha, mesmo que não exista mais nenhum comparsa para ser delatado.

Postar um comentário