20 de mai de 2017

Gravação revela que Gilmar prometeu ajudar Aécio

Foto Joaquim Dantas/Blog do Arretadinho
Foto Joaquim Dantas/Blog do Arretadinho
Gravação revela que Gilmar Mendes prometeu ajudar Aécio com lei de abuso de autoridade
A Polícia Federal interceptou um telefonema do senador ao ministro do STF pedindo ajuda para aprovar a lei que, de acordo com Procuradoria-Geral da República, seria uma estratégia do tucano para obstruir a Justiça. Gilmar, que nega qualquer articulação com Aécio, é relator de dois inquéritos contra o tucano no Supremo

Por Redação Revista Fórum

Foi divulgada nesta sexta-feira (19) uma gravação feita pela Polícia Federal, com autorização do Supremo Tribunal Federal (STF), de uma ligação do senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG) ao ministro do próprio STF, Gilmar Mendes, em que o tucano pede ajuda para aprovar a lei de abuso de autoridade. De acordo com a PF, Gilmar prometeu ajudar Aécio. Para a Procuradoria-Geral da República (PGR), o tucano queria aprovar a lei como uma estratégia para obstruir as investigações da operação Lava Jato.

“Aécio Neves diz a seu interlocutor para ligar para o senador Flexa e dizer que acompanhe sua posição (acompanha a posição do Aécio lá…). Gilmar concorda e diz que já havia falado com Anastasia e Tasso, provavelmente os senadores. Observa-se que na referida data ocorria procedimento legislativo referente ao projeto de Abuso de Autoridade no Senado Federal”, diz o relatório da PF sobre a gravação. A ligação teria sido feita em 26 de abril.

Essa interceptação da Polícia Federal faz parte da Operação Patmos e serviu como uma das evidências para que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pedisse a abertura de inquérito contra o tucano. Afastado do Senado, ele será investigado por obstrução da Justiça.

Em delação premiada, o dono da JBS, Joesley Batista, confirmou que, além dos pedidos de propina, tratou com o ex-governador de Minas Gerais negociações que envolviam a aprovação da lei de abuso de autoridade para barrar as investigações da Lava Jato.

O ministro Gilmar Mendes, por sua vez, informou por meio de nota que “sempre defendeu publicamente o projeto de lei de abuso de autoridade, em palestras, artigos e entrevistas, não havendo, no áudio revelado, nada de diferente de sua atuação pública.”

Gilmar é o relator de dois inquéritos contra o tucano no Supremo.

Confira, abaixo, a íntegra do áudio interceptado pela PF.


  • Aécio Neves: Oi, Gilmar. Alô.
  • Gilmar Mendes: Oi, tudo bem?
  • Aécio: Você sabe um telefone que você poderia dar que me ajudaria na condução lá. Não sei como é sua relação com ele, mas ponderando… Enfim, ao final dizendo que me acompanhe lá, que era importante… Era o Flexa, viu? [Aécio se referia ao senador Flexa Ribeiro]
  • Gilmar: O Flexa, tá bom, eu falo com ele.
  • Aécio: Porque ele é o outro titular da comissão, somos três, sabe?… Né…
  • Gilmar: Tá bom, tá bom. Eu vou falar com ele. Eu falei… Eu falei com o Anastasia e falei com o Tasso… Tasso não é da comissão, mas o Anastasia… O Anastasia disse “Ah, tô tentando… [incompreensível]…” e…
  • Aécio: Dá uma palavrinha com o Flexa… A importância disso e no final dá sinal para ele porque ele não é muito assim… De entender a profundidade da coisa… Fala ó… Acompanha a posição do Aécio porque eu acho que é mais serena. Porque o que a gente pode fazer no limite? Apresenta um destaque para dar uma satisfação para a bancada e vota o texto… Que vota antes, entendeu?
  • Gilmar: Unhum.
  • Aécio: Destaque é destaque é destaque… Depois não vai ter voto, entendeu?
  • Gilmar: Unhum. Unhum.
  • Aécio: Pelo menos vota o texto e dá uma…

Gilmar: Unhum.

  • Aécio: Uma satisfação para a ban… Para não parecer que a bancada foi toda ela contrariada, entendeu?
  • Gilmar: Unhum.
  • Aécio: Se pudesse ligar para o Flexa aí e fala…
  • Gilmar: Eu falo pra com ele… E falo com ele… Eu ligo pra ele… Eu ligo pra ele agora.
  • Aécio: …[incompreensível]… importante
  • Gilmar: Ligo pra ele agora.
  • Aécio: Um abraço.
Postar um comentário