13 de nov de 2015

Manifestações em SP e Brasília pedem saída de Cunha

Foto Nena Medeiros
clique para ampliar
Movimentos Sociais em São Paulo e Brasília vão às ruas pedir "fora Cunha!"

De Brasilia
Joaquim Dantas
Para o Blog do Arretadinho
Com informações, fotos e vídeo de Nena Medeiros

Cerca de 3000 manifestantes tomaram a Avenida Paulista, em São Paulo, na tarde desta sexta-feira (13) para pedir a saída do presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha, PMDB/RJ. Cunha é acusado pelo Ministério Público da Suíça de possuir contas secretas no país em seu nome, da mulher e da filha.

Segundo a revista Carta Capital "os recursos estão inacessíveis desde abril, quando o banco Julius Bar identificou Cunha, sua mulher, a jornalista Cláudia Cordeiro Cruz, e uma das filhas do deputado como beneficiários finais de contas secretas que somam 2,4 milhões de dólares, cerca de 9 milhões de reais.

A própria instituição financeira reportou as suspeitas de origem ilícita do dinheiro ao procurador-geral suíço, Michael Lauber, que instaurou um inquérito contra o deputado por suspeita de corrupção e lavagem de dinheiro. Mais recentemente, o Ministério Público da Suíça firmou um acordo de colaboração com o Brasil e passou a compartilhar informações com a Procuradoria-Geral da República.

A revelação reforça as suspeitas contra o presidente da Câmara, acusado de receber propinas da Petrobras. Em julho deste ano, Júlio Camargo, um dos delatores da Operação Lava Jato, afirmou à Justiça Federal no Paraná que Cunha exigiu 5 milhões de dólares decorrentes de contratos para a construção de navios-sonda da Petrobras," publicou a revista no dia 10 do mês passado

Após seguirem pela Paulista, os manifestantes caminharam em direção à Rua Augusta, sempre gritando palavras de ordem e pedindo a saída de Cunha.
Em Brasília 10.000 manifestantes
Foto: Lula Marques/Agência PT
clique para ampliar

Em Brasília cerca de 10.000 pessoas saíram em marcha contra o retrocesso, em defesa da democracia e pela saída de Cunha.

A marcha começou em frente da Biblioteca Nacional, onde a Frente Brasil Popular, composta por movimentos como a Central Única dos Trabalhadores, CUT, Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra, MST  e União Brasileira de Estudantes Secundaristas, UBEs  partiu em direção ao Congresso Nacional, ao Palácio do Planalto e ao Ministério da Educação, onde a manifestação terminou.

Um peque incidente ocorreu em frente ao Congresso Nacional entre os estudantes e um grupo que está acampado no gramado e pede o impeachment da presidenta Dilma Rousseff, mas foi rapidamente controlado pela Polícia Militar, que criou um cordão de isolamento para evitar o confronto entre os dois grupos.

Já na marcha de São Paulo o incidente foi em frente ao Conjunto Nacional, um manifestante tentou pendurar uma faixa contra Cunha, mas foi impedido por seguranças do local. Não foi necesário a intervenção da Polícia Militar.



Confira mais fotos da manifestação em SP:

Foto Nena Medeiros

Foto Nena Medeiros

Foto Nena Medeiros



Postar um comentário