2 de out de 2015

Farmácia de Alto Custo chega ao Gama

Secretaria de Saúde confirma instalação de Farmácia de Alto Custo no Gama

Do Gama
Joaquim Dantas
Para o Blog do Arretadinho

Fontes da Secretaria de Estado da Saúde do Distrito Federal, SESDF, confirmaram na manhã desta sexta-feira (2), que uma unidade da Farmácia de Alto Custo será instalada no Gama. A data ainda não foi confirmada pela SESDF, entretanto, a expectativa é que isso ocorra nos próximos 40 dias.

A iniciativa do governo local beneficiará os moradores da saída Sul do DF, que não precisarão mais se deslocarem para o Plano Piloto para retirarem a medicação que utilizam.

Segundo as mesmas fontes a farmácia será instalada onde hoje funciona a Junta Militar da cidade, que será transferida para a sede do Conselho Comunitário de Segurança, CONSEG, que não se sabe, ainda, para onde será transferido.

Essa transferência chama a atenção porque, coincidentemente, a nova diretoria do CONSEG tomará posse no próximo mês. Desde que foi criado, há cerca de 15 anos, o Conselho era composto por diretores ligados à administradora da cidade, que não conseguiram inscrever uma chapa para disputar as eleições no mês passado. 

Comenta-se na cidade que a intenção da administradora é a de transferir o CONSEG para os postos policiais desativados, popularmente chamados de "micro-ondas" e que eram alvos constantes de bandidos e vândalos, motivo de apreensão e reclamação dos Policiais Militares que ali trabalhavam.

No Distrito Federal, os remédios de alto custo são adquiridos pelo GDF em parceria com a União. A Farmácia Ambulatorial Especializada da Secretaria de Saúde do DF, conhecida popularmente como Farmácias de Alto Custo, FAC, é abastecida por meio do Programa de Medicamentos Excepcionais do Sistema Único de Saúde, SUS.

Como usar a Farmácia de Alto Custo?
É necessário agendar atendimento ao ligar para a Central 160, opção 3, um atendente marcará data, horário e a unidade de atendimento do paciente ou responsável.

Posteriormente será preciso apresentar cópia do Cartão Nacional de Saúde, CNS, cópia dos documentos pessoais, comprovante de residência, entre outros documentos como o laudo de solicitação e resultados de exames exigidos pelo Ministério da Saúde. Após a avaliação do processo, os servidores das unidades entram em contato com os usuários para informar o resultado e fornecer demais informações para a retirada do medicamento. Todo o trâmite dura no máximo 30 dias.

Se após tentar obter o remédio de alto custo diretamente na SESDF, o usuário não obtiver êxito, seja pela falta de medicamento ou porque o remédio prescrito não faça parte das medicações fornecidas pelo Programa de Medicamentos Excepcionais, o usuário deve requerer à justiça. Ou por meio da Defensoria Pública ou de advogado particular.

Postar um comentário