11 de dez de 2015

Aécio processa Dilma. Fazer reunião não pode, só pode fazer aeroporto de família

Foto Joaquim Dantas
Foto Joaquim Dantas
Impossível não dizer que Aécio Neves é um dos maiores caras de pau que já transitou pela política brasileira.

O sujeito constrói um aeroporto na fazendo do tio, com dinheiro público, pousa e decola 110 vezes ali para ir descansar em sua fazenda mas, na ânsia de aparecer, puxa da cachimônia a ideia de processar Dilma Rousseff  por receber no Palácio, uma comissão de 30 juristas que lhe foram oferecer pareceres a fim de que se defenda do impeachment.

POR FERNANDO BRITO

“Vamos entrar com uma ação para impedir que a presidente continue usando o Palácio do Planalto para defender-se de acusações que são feitas a ela quanto ao impeachment”.

Realmente, é de atrair cupim.

E não tem um que lhe diga isso no Senado,  com direito a transmissão na TV.

Publicam como se fosse algo sério, capaz mesmo de ir parar nos tribunais, pelas mãos de algum procurador que “queira aparecer” e leve o “aparecer” ao Dr. Janot que, afinal, como não está (espero que ainda) ocupado com os desmandos de Eduardo Cunha, apresente a queixa.

Ah, e na sequência da comédia hipócrita, o Ministro Gilmar Mendes, aquele que vai expandindo pelo país inteiro o seu cursinho de direito sem explorar – de forma alguma, claro – o prestígio de ser integrante da Corte Suprema…

Então ele babará de furor moralista, exigirá a morte pelo abuso, contemplado pelo ar cândido de Dias Tófolli, outro caso a ser estudado de brandura de princípios.

E a todas estas nós, pagando.

Postar um comentário